sexta-feira, 8 de agosto de 2014

Ostentação: veja os componentes de hardware mais caros que se pode comprar

http://img.ibxk.com.br///2014/08/07/07134827301358.jpg?w=1120&h=480&mode=crop 
O TecMundo também se preocupa com o bolso dos leitores. É por isso que, com frequência, realizamos Guias de Compra, Análises e algumas matérias Especiais para ajudá-los a fazer a escolha mais acertada (como este bom exemplo). No entanto, confessamos que os itens que serão listados neste texto serão para poucos, pois esta seleção contém o que há de mais caro no mercado, segundo nossas pesquisas.

Os componentes a seguir são peças de hardware e periféricos que, às vezes, trazem um “toque luxuoso” que os tornam assim tão caros. Pode ser que sejam pedras preciosas cravadas na carcaça do dispositivo ou o simples fato de o item ser o que existe de mais avançado e moderno para a categoria. Confira a nossa seleção:

Gabinete fora do padrão

Começando de maneira suave, apresentamos um gabinete um tanto quanto curioso. Na realidade, esta peça agrega as funções de guardar e proteger todos os componentes do computador e também servir como uma mesa. Um dos aspectos que mais chama a atenção é a possibilidade de ver as “entranhas” do PC através da tampa de vidro que o objeto traz.



O preço não é tão assustador: o modelo DK-2, que tem espaço para suportar até dois sistemas, custa US$ 1.200 (aproximadamente R$ 2.730). Se preferir, você ainda pode apostar no Thermaltake Level 10 que, há dois anos, custava cerca de R$ 2.400.

Muito processamento

As CPUs da Intel são, definitivamente, as mais caras da atualidade. Nesta categoria de processadores para desktops, é difícil achar componentes que trazem pedras preciosas cravadas nele, mas nem por isso eles deixam de ser caros. O modelo top da companhia, atualmente, é o Core i7-4960X Extreme Edition, que pode ser encontrado beirando os R$ 4 mil.



Porém, a linha Haswell-E já está trazendo o Core i7-5960X e, com certeza, esse componente chegará custando uma bela nota. Apesar de ainda não estar confirmado, especula-se que o preço desse processador será de US$ 999, mas no Brasil podemos esperar algo acima de R$ 4 mil.

Memória demais

Considerado o kit de memórias mais rápido do mundo, o Vengeance Extreme da Corsair surpreende qualquer entusiasta da tecnologia. O modelo vem com apenas dois pentes de memória de 4 GB que operam à velocidade de 3 GHz. Portanto, se você quiser juntar os 32 GB desejados por qualquer um, terá que gastar quatros vezes o valor de US$ 749,99 (totalizando, aproximadamente, R$ 7 mil).

Placa de vídeo

Um dos componentes que gera mais dúvida na hora da compra é a placa de vídeo. Mas, se você não quiser correr o risco de não rodar os seus jogos e as suas aplicações com o máximo de desempenho, pode comprar a GeForce GTX Titan Z, da NVIDIA. A peça custa R$ 6.700 (sem impostos) e, já que uma só é pouco, um SLI com duas dessas placas sairia por mais de 13 mil. Dará para jogar com (muita!) tranquilidade os games dos próximos anos.

A AMD também tem um componente parrudo para esta categoria. A Radeon R9 295X2 está um pouco mais barata que a concorrente, portanto será preciso desembolsar uns R$ 7 mil para montar um CrossFire decente.

Armazenamento demais

É verdade que talvez você não precise de tanto armazenamento ou especificações tão impressionantes para guardar os seus dados, mas saiba que é possível gastar mais de R$ 12 mil em um SSD da SanDisk. O dispositivo traz impressionantes 1,6 TB de espaço e tem cinco anos de garantia.

É preciso uma parede grande

Com placas de vídeo tão potentes, seria uma pena desperdiçar tanto processamento gráfico. É por isso que não escolhemos um simples monitor para exibir a sua Área de trabalho, mas sim um lançamento recente da LG que custa a partir de R$ 40 mil. O modelo 84UB9800 da fabricante sul-coreana tem suporte a 4K e possui 84 polegadas.

Para um computador de respeito, é preciso usar mais de um monitor. Portanto, é só fazer as contas e ver quanto seis deles montados na sua parede custariam.

Mouse com diamantes

Começando a seleção de periféricos, o Diamond Flower é um mouse que contém, ao todo, 59 pedras de diamante cravadas em seu exterior. A parte prateada que cobre o apoio para a mão não é qualquer metal: trata-se de ouro 18 quilates, fazendo com que o dispositivo custe 15 mil euros, que, em conversão direta, resulta em R$ 45 mil.

Teclado bem singular

O teclado a seguir não surpreende tanto pelo preço. O Happy Hacking Keyboard HP Japan pode ser adquirido por aproximadamente R$ 10 mil, mas a sua forma de produção é o que faz o periférico custar tão caro. Entre tantos detalhes curiosos, o que mais chama atenção é o fato de todas as teclas serem pintadas a mão utilizando um pincel cujas cerdas são confeccionadas com cabelos de virgens e depois pulverizadas com pó de ouro. Sim, isso mesmo que você leu.

Headset luxuoso

O Abyss AB-1266 não apresenta o visual mais bonito e atraente entre os fones de ouvido do mercado, mas com certeza é o que existe de mais caro na categoria. Para ter um exemplar desses, é preciso desembolsar US$ 5.495, aproximadamente R$ 12.500.


Algumas outras coisas

Se os itens anteriores não foram suficientes para surpreender, saiba que é possível adquirir um iPhone por R$ 36 milhões, além de muitos outros smartphones com preços exorbitantes. Se você é da turma dos consoles, também é possível gastar uma boa quantia considerando esta lista com os video games mais caros do mundo.
Mas, se você estiver apenas precisando de um pouco de espaço para guardar algumas músicas e não quiser aproveitar as promoções da internet, pode desembolsar mais de R$ 70 mil em um belo pendrive no formato de um cogumelo.
--
Somando-se um item de cada categoria (exceto os da última seção), o montante facilmente ultrapassa o valor de R$ 150 mil. Com essa quantia, é possível comprar cinco carros Gol (considerando o valor médio de R$ 30 mil), 75 LG G3 (preço médio de R$ 2 mil) ou 90 Xbox One (console sem o Kinect - preço médio de R$ 1.600).
E aí, o que acharam da nossa seleção? Por acaso alguém tem algum dos componentes listados acima?
 Disponibilizado por:TecMundo

0 comentários:

Postar um comentário